A vida é uma cereja. A morte um caroço. O amor uma cerejeira.

12 de junho de 2009

Alguém se lembra da série árvores?!?

Cerejinha, Empúries, 2006

Um homem terá pelo menos dado a partida para a descoberta do sentido da vida humana quando começar a plantar árvores frondosas sob as quais sabe muito bem que jamais se sentará.
D. Elton Trueblood