A vida é uma cereja. A morte um caroço. O amor uma cerejeira.

19 de março de 2008

Uma Páscoa Feliz!




A Páscoa é sempre no primeiro Domingo depois da primeira lua cheia, depois do equinócio de Primavera (20 de Março).
Esta datação da Páscoa baseia-se no calendário lunar que o povo hebreu usava para identificar a Páscoa judaica, razão pela qual a Páscoa é uma festa móvel no calendário romano.
Este ano a Páscoa acontece mais cedo do que qualquer um de nós irá ver alguma vez na sua vida! Só os mais velhos da nossa população viram alguma vez uma Páscoa tão temporã (mais velhos do que 95 anos!). A última vez que a Páscoa foi assim cedo foi em 1913.
A próxima vez que a Páscoa vai ser tão cedo como este ano (23 de Março) será no ano 2228 (daqui a 220 anos).
Por isso, ninguém que esteja vivo hoje, viu ou irá ver uma Páscoa mais cedo do que a deste ano. Aproveito a oportunidade para vos desejar uma Páscoa Feliz!


(recebido por mail, da Gaivota Sorridente. Obrigada Gaivota!)

9 de março de 2008

Chumbada!


Não é só pela avaliação de professores como a ministra e a comunicação social querem fazer parecer;

Não é só pelo mau estatuto da carreira docente que passámos a ter;

Não é só pelo diploma da gestão e autonomia das escolas no qual se salientam factos, como a participação da comunidade escolar, que já estavam consignados, e bem, no dipoma que tem estado em vigor;

É também, apesar de pouco se falar deles, pelos diplomas do ensino especial e pelo estatuto do aluno. Os efeitos destes dois diplomas vão ser gravissimos na vida diária das escolas.

É também pela prova de ingresso na carreira docente, pela extinção dos conservatórios, pelo calendário escolar diferenciado entre a pré escolar e os restantes níveis de ensino.
É também pelos alunos que passam parte do seu dia a serem transportados para escolas longe das suas comunidades, pelo mau funcionamento das actividades de enriquecimento curricular, que obrigam a uma escolarização da criança superior ao horário de trabalho de um adulto, entre outros factos...

Chumbada!
E é também porque os professores sabem avaliar!

8 de março de 2008

A origem das expressões

Durante as últimas semanas publiquei textos esclarecedores de certas expressões. Essas publicações tiveram origem num mail que recebi e onde não era mencionada a fonte. Por descuido, pressa e também alguma irreflexão não procurei saber de onde tinha sido retirada esta informação.
Bell chamou-me a atenção para esta falta de cortesia da minha parte, apresentando-me o blogue Tira Teimas onde teve origem o mail que recebi.
Pela minha indelicadeza quero apresentar um pedido de desculpas público a Bell e sugiro uma visita ao seu Blogue onde são explicadas as ditas expressões e mais algumas, com a menção de origem, tanto de texto como de imagem.