A vida é uma cereja. A morte um caroço. O amor uma cerejeira.

7 de novembro de 2009

Piodam















































































5 comentários:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Alexandre Boarro disse...

Belo conteudo gostei muito..beijão e visite-me!!!

Guita disse...

Esta paisagem por muito que seja descrita, só quem lá vai descobre a essência desta aldeia de xistos!

非凡 disse...

I'm appreciate your writing skill.Please keep on working hard.^^

freefun0616 disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.