A vida é uma cereja. A morte um caroço. O amor uma cerejeira.

5 de fevereiro de 2007

Árvores II


"Aquele que mantém a calma diante de todas as adversidades da vida mostra simplesmente ter conhecimento de quão imensos e múltiplos são os seus possíveis males, motivo pelo qual ele considera o mal presente uma parte muito pequena daquilo que lhe poderia advir: e, inversamente, quem sabe desse facto e reflecte sobre ele nunca perderá a calma."

A Arte de Ser Feliz
Arthur Schopenhauer